29 de junho de 2012

Di Maggio



"Di Maggio partiu veloz contra a multidão de espectadores, que fugia em pânico. Di Maggio degolou os quarenta guardas que ocupavam o alambrado com um só movimento de foice, e depois partiu esquartejando os espectadores. Saltavam cabeças, pernas, braços, corpos para todos os lados e aqueles que não eram esquartejados pela foice eram esmagados pelos pés de Di Maggio. Di Maggio distribuía furiosamente pontapés e golpes de foice para todos os lados e instantes depois ele corria saltando pelas arquibancadas e esquartejando os últimos espectadores."

(PanAmérica, José Agrippino de Paula)